R.S. ENTUSIASMO

Roteiro básico do prazer!

Esse ano que está acabando não foi o melhor que tive. Ao menos numa rápida e apressada conclusão é assim que o vejo. Porém, já tenho uma matéria em elaboração para me contradizer — aguarde. Mas por conta dessa conclusão apressada já faz alguns meses que venho tentando restabelecer meu entusiasmo. 

Entusiasmo é o que me move, sem ele eu não sou nada. E 2014 frustrou diversas expectativas e confesso que fiquei abalado com isso. No entanto, na semana passada percebi que estou precisando de um pouco mais de gasolina na veia. Quando eu saí do Mégane R.S. tive a nítida impressão de ter recebido uma recarga no meu entusiasmo, no meu autoentusiasmo. Mas foi uma daquelas cargas rápidas, que duram pouco tempo.

Mas como felizmente o Bob vai ficar mais alguns dias com o R.S., eu o "requisitei" — brincadeirinha, é normal trocarmos de carro no Ae — para andar um pouco com ele para que pudesse dar uma carga completa na minha bateria e começar 2015 a todo vapor e totalmente revigorado. Já faz um tempo que planejo um nova matéria nos moldes da minha favorita, aquela da viagem à Serra do Rio do Rastro, em Santa Catarina. Minha idéia é escrever ao menos uma matéria como aquela por ano.

Com o R.S. na mão, acabei de acertar isso com o Bob nesse instante, estou definindo o meu roteiro. Dessa vez terá que ser algo menos pretensioso. Diferente da história da Serra do Rio do Rastro, onde o lugar e a companhia eram o foco, e felizmente o carro era fantástico, agora o foco é exatamente o carro e o autoentusiasmo; o prazer de dirigir. Então, apesar da vontade, resolvi restringir o raio de alcance do passeio. Dois motivos essenciais me levaram a isso. Um deles é a época do ano, em que sempre procuro evitar viagens longas. E o outro são os pneus 235/35ZR19 do R.S. Quanto mais longe eu for maior a chance de estragá-los.

Acabei de sair do Google Maps onde fiz um roteiro básico. Saída de São Paulo amanhã, segunda, às 5h30 em direção a Itu passando pelo "campo de provas" do Ae. Depois de Itu para Indaiatuba para visitar o MAO (ainda não consegui acertar isso com ele) e dividirmos um pouco desse autoentusiasmo gerado pelo R.S. E se ele me convidar para almoçar, saio em seguida para Joanópolis, Terra do Lobisomem. No dia seguinte volto para São Paulo, mas não defini o roteiro.

Minha idéia é fazer paradas no meio desse percurso. Fazer relatos sobre o R.S. e postar imagens, tanto no Instagram quanto no Facebook, em tempo real. E também registrar algumas imagens na GoPro. Não sei se vou conseguir fazer tudo isso do jeito que imagino. Mas eu os convido a seguir este passeio tanto pelo Instagram quanto pelo Facebook. Vocês serão minha companhia. E depois esse passeio será relatado em uma nova matéria.


Em tempo, R.S. Entusiasmo significa ReSet Entusiasmo, ou Entusiasmo Restabelecido. 

PK


SOLIDÃO E LUZ


"Solidão e Luz"

Hoje, agorinha, numa conversa de bar, eu fiz uma grande descoberta. Eu não sou, e possivelmente nunca serei um fotógrafo. Quando eu fotografo, com certeza uso toda a minha bagagem cultural. Mas eu realmente não me preocupo com o outro, com a audiência, com as críticas, com minha falta de conhecimento técnico e a total falta de conhecimento histórico. Eu simplesmente ignoro tudo isso. Me permito ser um ignorante. Ou melhor, uso minha ignorância para ser livre.

E ao clicar a i
magem acima, também quase agora, descobri que a única razão pela qual eu fotografo é para acalmar a minha alma. É um momento de distração em relação ao meu mundo interior. Ou seria um momento de libertação desse mundo? Talvez seja uma alternância entre esses dois momentos. Também pode ser que fotografo por gostar de luz. As trevas me amedrontam, na maioria das vezes de um modo sedutor. Então busco a luz. Ao menos foi exatamente isso que me veio a cabeça quando cliquei a imagem. 

Nunca serei um fotógrafo porque não me importo com a opinião de mais ninguém. E se fosse diferente disso não faria sentido, pois todas as minhas fotos são uma experiência do meu interior comigo mesmo.
 

E exatamente agora me pergunto por que então postar as fotos. Talvez para diminuir a solidão. Ou simplesmente para compartilhar a minha visão do mundo, do belo, e das minhas experiências com outras pessoas que possam sentir o mesmo que eu sinto, ou do mesmo jeito que sinto. Não importa. O fato é que hoje eu descobri que não sou um fotógrafo. E que possivelmente alguns dos melhores fotógrafos também nunca tenham sido (?).


E por favor, não pense que isso tem alguma relação com tristeza, mas sim com a verdade e com auto-conhecimento.


PK

A DAY IN THE LIFE OF NEW YOUR

 
The Sandpit from Sam O'Hare on Vimeo.

Winner: Prix Ars Electronica Award of Distinction 2010
Nominee: Webby Awards 2011 - Best Viral, Best Music
Official Selection: AFI Fest 2010
Official Selection: Tiburon Film Festival 2011
Original Music: composed by Human (humanworldwide.com), co-written by Rosi Golan and Alex Wong.
Please view in HD and full screen for best effect. For a description of the shoot, camera, lenses and workflow, please see here:bit.ly/aFmaPZ